Requisitos de sustentabilidade

No âmbito do projeto BIOMASUD PLUS, a tarefa 4.1, incluída no WP 4, visa “Melhorar os critérios de sustentabilidade do sistema de certificação Biomasud”. Assim, esta tarefa incluiu a revisão dos critérios de sustentabilidade atuais do sistema BIOMASUD e sua atualização. A revisão procurou completar os critérios de sustentabilidade já existentes (GEE e consumo de energia) com os novos, adaptando-se a aplicabilidade dos novos critérios a cada uma das diferentes categorias de biomassa que BIOMASUD Plus irá incluir.Continue reading

Estado da arte do mercado de aquecimento residencial a biocombustíveis sólidos

O estado da arte do mercado de aquecimento residencial a biocombustíveis sólidos foi realizado na tarefa 2.1. O relatório é composto por 4 partes: estado da arte, estatísticas do mercado, análises SWOT e conclusões do inquérito realizado aos utilizadores finais com o objetivo de estudar a aceitação pública dos biocombustíveis sólidos. O relatório encontra-se disponível em: http://biomasudplus.eu/es_ES/?smd_process_download=1&download_id=1147Continue reading

Questionário sobre a utilização de biomassa do Projeto Europeu Biomasud Plus

home_splash O projeto BIOMASUD PLUS do Programa Horizonte 2020, coordenado pela Asociación Española de Valorización Energética de la Biomasa (AVEBIOM), tem como principal objetivo melhorar o sistema BIOmasud de certificação de qualidade e sustentabilidade para biocombustíveis mediterrâneos, em funcionamento desde 2013. Neste sentido, far-se-á a inclusão de novos biocombustíveis, a revisão dos critérios de sustentabilidade e a extensão do sistema a outros países interessados. Atualmente o selo está presente em Espanha, Portugal e França, e, através do projecto BIOMASUD PLUS, será também implementado em Itália, Grécia, Eslovénia, Croácia e Turquia. Os parceiros deste consórcio multidisciplinar são: AVEBIOM, CIEMAT, PEFC e Tercera Fase Software de Espanha, CBE de Portugal, AIEL de Itália, BIOS da Áustria, CERTH da Grécia, ZEZ da Croácia, Tubitak da Turquia e GIS da Eslovénia. Uma das atividades em desenvolvimento no projeto é um estudo de mercado sobre os biocombustíveis sólidos nos países mediterrâneos participantes, com o qual se pretende quantificar os biocombustíveis comercializadas, que biomassas potenciais existem, o volume das importações e exportações de biomassa, identificar as principais barreiras para o desenvolvimento deste mercado, etc.. Adicionalmente pretende-se estudar a recetividade dos consumidores aos biocombustíveis sólidos, assim como a forma como estes estão a ser utilizados. Para a recolha de dados nos diferentes países foram desenvolvidos vários questionários online. O questionário em português sobre a utilização de biomassa encontra-se na seguinte ligação Formulario Portugués. Para qualquer informação adicional sobre o projeto pode ser contactado diretamente o coordenador através do email coordinator@biomasudplus.eu ou o Centro da Biomassa para a Energia (CBE) através do email: teresa.almeida@centrodabiomassa.pt.

Second meeting of the European Project BIOMASUD PLUS

TFoto grupo reunion esloveniahe Project BIOMASUD PLUS from the program Horizon 2020, coordinated by the Spanish Biomass Association (AVEBIOM), has held its second follow up meeting last 4th and 5th October in the Slovenian Forestry Institute’s offices (GIS in Slovenian) which are located in the capital of the country Ljubljana. In this meeting were present all the partners that are part of the multidisciplinary team that the consortium is formed of: AVEBIOM, CIEMAT, PEFC and Tercera Fase Software on behalf Spain, CBE from Portugal, AIEL from Italia, BIOS from Austria, CERTH from Greece, ZEZ from Croatia, Tubitak from Turkey and the mentioned host GIS.

Continue reading